Passes

 

Os trabalhos de passe (fluidoterapia) acontecem após as palestras públicas, com temas diversos referentes ao evangelho de Jesus e aos assuntos específicos  ligados ao tríplice aspecto do espiritismo – ciência, filosofia e religião – contextualizados com os temas da atualidade

 

O passe é a transmissão de energias físicas e psíquicas, através da imposição de mãos pelos médiuns. Auxilia a renovação fluídica para poder melhor enfrentar as dificuldades materiais e espirituais, dispensando qualquer contato físico na sua aplicação.

 

O objetivo do passe é o auxilio espiritual,  que se manifestará na reabilitação mental e espiritual daqueles que ali buscam o tratamento das doenças do corpo e da alma.

 

No Centro Espírita Harmonia e Luz há tratamento espiritual através de passes administrados por equipes preparadas para esta tarefa. Os Passes acontecem logo após as exposições no local: Há ainda assistências espirituais específicas, com encaminhamento ao Atendimento Fraterno.

 

 

O PASSE NO CENTRO ESPÍRITA

 

Atendimento Espiritual no Centro Espírita

D – ATIVIDADE DE “ATENDIMENTO PELO PASSE”

 

1. CONCEITO

O Passe, à luz da Doutrina Espírita, é uma transmissão de energias fluídicas de uma pessoa – conhecida como médium passista – para a outra pessoa que as recebe, em clima de prece, com a assistência dos Espíritos Superiores.

 

2. FINALIDADE

O Atendimento pelo Passe visa a oferecer aos que necessitam e desejam receber os fluidos de reequilíbrio e de paz oferecidos pelos Benfeitores espirituais por intermédio dos colaboradores encarnados, de maneira simples, organizada e com um planejamento previamente estabelecido.

 

3. PARTICIPANTES

a) Um coordenador da tarefa.

b) Aplicadores de passes (médiuns passistas).

c) Um responsável pelo encaminhamento das pessoas.

d) Interessados em receber o passe.

 

 

4. DESENVOLVIMENTO DAS ATIVIDADES

Ao término da atividade de explanação do Evangelho à luz da Doutrina Espírita:

 

a) A equipe de trabalhadores do atendimento pelo passe, com seu coordenador, deverá reunir-se no local destinado aos passes (se possível uma sala), para a prece preparatória em conjunto;

 

b) Fazer o encaminhamento para o local dos passes de um número de pessoas compatível com o número de aplicadores de passe;

 

c) Mantido o estado de prece, cada aplicador de passe (médium passista) atenderá, individualmente, um assistido;

 

d) Após o passe, cada atendido poderá receber um copo (individual e descartável) com água magnetizada com as vibrações da prece (também conhecida como água fluidificada), e retirar-se.

 

e) Após o término dos atendimentos, a atividade será finalizada com uma prece de encerramento, podendo o coordenador indicar alguém do grupo para fazê-la.

 

 

5. RECOMENDAÇÕES E OBSERVAÇÕES

a) Selecionar e capacitar, continuadamente, os colaboradores que tenham um perfil adequado para a tarefa: conhecimento evangélico, maturidade emocional, bom senso, simpatia, alegria, afetividade, naturalidade e segurança.

 

b) Utilizar sala própria ou discretamente isolada, contendo cadeiras para os atendidos, em número correspondente ao de colaboradores.

 

c) Convidar, antes do início da tarefa, os colaboradores escalados para a aplicação do passe para ouvirem a explanação do Evangelho à luz da Doutrina Espírita.

 

d) Aplicar o passe com simplicidade, sem gesticulação exagerada ou respiração ofegante, sem bocejo ou articulação de palavras.

 

e) Evitar o toque direto no atendido, por desnecessário e inconveniente, e a passividade para comunicação mediúnica.

 

f) As pessoas impossibilitadas de se locomoverem de sua residência poderão receber os benefícios do passe por uma equipe de aplicadores – nunca por uma só pessoa – designada pelo coordenador da atividade.

 

g) Utilizar música suave no ambiente.

 

 

 

 

SUGESTÕES DE BIBLIOGRAFIA SOBRE O PASSE:

  • ÂNGELIS, Joana de. Desperte e Seja Feliz. Livraria Espírita Alvorada Editora
  • ÂNGELIS, Joana de. Diretrizes para o Êxito. ÂNGELIS, Joana. Estudos Espíritas. FEB. CAMILO. Correnteza de Luz. Editora Fráter.
  • EMMANUEL. Caminho, Verdade e Vida. FEB.
  • EMMANUEL. O Consolador. FEB.
  • EMMANUEL. Segue-Me!... . O Clarim
  • EMMANUEL. Roteiro. FEB.
  • EMMANUEL E ANDRÉ LUIZ. Estude e Viva. FEB.
  • FRANCO, Divaldo Pereira e TEIXEIRA, J. Raul. Diretrizes de Segurança. Editora Fráter.
  • JORGE, José. Antologia do Perispírito. Inst. Maria - Dep. Editorial.
  • KARDEC, Allan. O Livro dos Espíritos. FEB.
  • KARDEC, Allan. O Livro dos Médiuns. FEB.
  • KARDEC, Allan. O Evangelho Segundo o Espiritismo. FEB.
  • KARDEC, Allan. O Céu e o Inferno. FEB KARDEC, Allan. A Gênese. FEB.
  • KARDEC, Allan. Revista Espírita. 1868, Edicel.
  • LUIZ, André.  Obreiros da Vida Eterna. FEB.
  • MARTINS, Celso. A Obsessão e Seu Tratamento Espírita. Edicel.
  • MENEZES, Adolfo Bezerra. A Loucura Sob Novo Prisma. FEB.
  • MICHAELUS. Magnetismo Espiritual. FEB.
  • MIRANDA, Manoel P. Loucura e Obsessão. FEB.

 

CENTRO ESPÍRITA

Conheça a doutrina espírita, seja nosso convidado(a), estude, aprimore-se. Faça a caridade sempre!

Mapa

Veja como chegar aqui.

ENDEREÇO

Rua Mansueto Pezzi, 1904  Esplanada

95098-310 - Caxias do Sul - RS

 

atendimento@harmoniaeluz.com.br

Cadastre-se e receba Notícias

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Formulário recebido.

ATIVIDADES

  • Atendimento Fraterno pelo Diálogo;
  • Evangelho à luz da Doutrina Espírita;
  • Atendimento pelo Passe;
  • Irradiação;

Redes Sociais do Harmonia

© Copyright 2022  Harmonia e Luz  -  Todos os direitos reservados.